O que estás a ler, Inês Santos Alves?


A Inês Santos Alves, tem 32 anos, tem um Mestrado e Licenciatura em Ciências da Comunicação, é Assistente de bordo e solteira mas... junto em união de fato há “quase” uma vida, ainda sem filhos mas com muita vontade de entrar na aventura da maternidade! 

Desde os 7 anos que a Inês é uma "livromaníaca".
"Na minha casa sempre se leu muito - os meus pais tinham o hábito de sair de manhã todos os fins de semana para comprar o jornal Expresso e ficar na esplanada do café a lê-lo; durante muito tempo acompanhei-os. Na minha casa sempre se viveu muito lado a lado com a informação e a leitura. A minha mãe comprava-me livros que achava adequados a cada idade minha - até eu decidir escolher por mim -, e era usual chegar a casa com mais um título propondo-me que o lesse. Lembro-me que um dos primeiros foi o Principezinho, outro marcante terá sido também a Lua de Joana. Li muitos. Li vários. Em várias situações cheguei até a “discuti-los” com a minha mãe; era um debate saudável, claro."

A Inês lê basicamente em todo o lado. Em casa, no sofá. No avião, nas pausas do seu trabalho. Nas estadias, nos hotéis. Se gostar muito de um livro é capaz de lê-lo um dia inteiro sem interrupções (nota da Inês: Ajuda não ter filhos!).

Já leu mais de 100 livros, actualmente lê em média um livro por mês (mas já leu mais) e sempre um livro de cada vez. Tem por hábito comprar os livros, embora raramente, peça emprestado. 
"Um livro, como uma revista para mim, é sempre um investimento. E por isso é para guardar. Sou de letras, sou uma pessoa da comunicação, sempre aprendi a valorizar a arte da escrita e conheço o processo da concepção de uma revista... de um texto... o esforço de um artigo, de uma pesquisa ou pequena investigação... É impossível não olhar para isso e ver ali uma obra... "

Se pudesse levar um único livro para uma ilha deserta, a Inês responde:
"The year i met you by Cecelia Ahern, ou eventualmente Estado de Guerra de Clara Ferreira Alves. É um livro muito intenso - este último - na descrição jornalística mas também muito emocional. É um livro onde se bebe sabedoria ao mesmo tempo que se “vivem” vidas de outros - absolutamente extraordinário. The year i met you é um livro de leitura fácil mas necessário na vida de todos nós... faz-nos pensar na vida em si mesma, nas nossas decisões e suas consequências, nas relações que escolhemos manter e naquelas que invariavelmente abandonamos. E no caos versus equilíbrio com que tudo isso impacta na nossa vida. Os livros serão sempre o melhor veículo de sabedoria por muito que a nossa sociedade nos empurra para o tacto do telefone e o “imediatismo instagramico”. É preciso dosear e fazer um uso consciente sem esquecer nunca que a sabedoria está mais nas palavras e nas letras do que no resto :) [my opinion]"

Não se ama alguém que não lê os mesmos livros?
"Não se ama alguém que não nos respeite - todos os dias e sempre mais a cada dia. Isso dos livros ou das canções é um bocadinho irrelevante... eu e o meu namorado estamos longe de termos gostos absolutamente parecidos e ainda assim sinto que continuo a aprender com ele diariamente. E ele comigo - espero!!! Ahahah :)"

A Inês está a ler último título da Helena Sacadura Cabral, O Sal da Vida, que recomenda pois já leu quase todos os livros da autora e é absolutamente fã dela - enquanto jornalista, comunicadora e escritora. 
"... é uma Senhora, como há já poucas em Portugal, e gosto sempre de ouvir as suas sábias palavras no seu humor genuíno e franco. É uma referência. Era uma das autoras que gostava de discutir com a minha mãe. Para além dela, falámos muito de Saramago, pessoa e autor que tive aliás a sorte de entrevistar... mas bem isso são outros “quinhentos” :)


Podem acompanhar o dia-a dia da a Inês aqui
"Atualmente o meu blog serve apenas de suporte a quem queira conhecer-me um bocadinho melhor: o meu percurso, a minha experiência profissional e o meu trabalho em concreto. por uma questão logística e de tempo também, passei a publicar unicamente conteúdos no Instagram e apostei claramente nesta rede social na vertente instagrammer."

Querida Inês, muito obrigada pela tua partilha, simpatia e boa energia. Boas Leituras!
Beijinhos * Cláudia 

Enviar um comentário

Instagram

TODAS AS IMAGENS E CONTEÚDOS DESTE BLOG SÃO PROPRIEDADE DE CLÁUDIA GONÇALVES GANHÃO.
NÃO É PERMITIDO COPIAR OU UTILIZAR QUAISQUER CONTEÚDOS DESTE BLOG
PARA QUALQUER FINALIDADE SEM AUTORIZAÇÃO DA MESMA.
© by Cláudia Gonçalves Ganhão . Design by Fearne.